Água - Um Importante Ativo da Economia Verde - EcoCasa | Construção Sustentável: Soluções para Construção Sustentável!

atendimento@ecocasa.com.br

+55 19 3442 8434

Água – Um Importante Ativo da Economia Verde

Comentários (0) Água, Tratamento de Esgoto Doméstico, Tratamento de Esgoto Industrial

Economia sempre foi uma palavra bastante utilizada para definir a atitude que se deve tomar em relação à água, porém, com o passar dos tempos este mesmo termo tem ganhado um novo significado, o de economia financeira.

Economizar água é economizar, além de um precioso recurso natural, dinheiro, o que torna o processo de aproveitamento de fontes alternativas e reuso de águas servidas um investimento rentável.

Sendo assim, investir em tecnologias que tratem a água para uso não potável passou a ser uma nova realidade de investimento sustentável, oferecendo em alguns casos a recuperação do investimento em poucos anos, a partir da economia obtida.

Para ampliar ainda mais o potencial de economia, um bom projeto hidráulico assim como a atualização de equipamentos e dispositivos consumidores de água são fatores cruciais.

Aqui entra também a importância da manutenção preventiva para evitar vazamentos mantendo todo o sistema de distribuição seguro e livre de desperdícios.

Falando em números, um sistema de aproveitamento de água da chuva economiza até 50% de água potável, antes consumida para fins não potáveis.

Assim como o sistemas de tratamento de efluentes que conseguem oferecer reuso em até 80% do volume tratado .

Toda a água proveniente destes sistemas pode ser utilizada em vasos sanitários, regas de jardim, limpeza de piso, entre outros fins não potáveis.

Normas Técnicas para elaboração de projetos

Aproveitamento de águas pluviais e reuso de água são temas relativamente novos no mercado, daí a importância que os projetos sejam elaborados seguindo parâmetros e/ou critérios que assegurem sua viabilidade técnica e econômica.

Outro ponto importante a se observar é que a segurança operacional dos sistemas precisa ser uma das prioridades, devido à falta de informação e até mesmo informações erradas sendo difundidas constantemente.

Para tal, no Brasil, desde 2007 os projetos de aproveitamento de águas pluviais para fins não potáveis são parametrizados pela NBR 15527/2007 que dá diretrizes para a elaboração de projetos eficientes e seguros.

A NBR garante um sistema eficiente, que não ofereça riscos à saúde além do melhor custo benefício para sistemas de aproveitamento de água da chuva.

Importante ressaltar que a água da chuva deve ser utilizada somente para fins não potáveis, como por exemplo:

  • Lavagem de Pisos,
  • Lavagem Automotiva,
  • Rega de Plantas,
  • Drenagem de Vasos Sanitários,
  • Piscinas (até 30% do volume),
  • Resfriamento,
  • Processos Industriais,
  • Dentre outros…

Além das diretrizes normativas,a equipe de elaboração de projetos deve possuir experiência, e know-how específicos, a fim de se evitar problemas futuros e gastos desnecessários.

Para isso, conte com nosso time de especialistas, você pode entrar em contato através do formulário abaixo: