Palmyro D'Andrea, 139

Limeira | São Paulo | Brasil

+55 19 3442 8434

[email protected]

Menu

Aproveitamento de Água da Chuva na Capital Mais Chuvosa do Brasil

Comentários (0) Água, Aproveitamento de Água da Chuva, Cisterna Pronta, Cisternas

Fizemos uma série de postagens sobre aproveitamento de Água da Chuva em diversas capitais do país. Hoje vamos falar hoje sobre o aproveitamento na capital brasileira onde mais chove: Belém do Pará!

De acordo com dados climatológicos dos últimos 30 anos, a média de chuvas na capital paraense é de 2.923 milímetros por ano. Para ter uma ideia de quão expressivo é esse número, a média da cidade de São Paulo é de 1.464 milímetros. Ou seja, em Belém chove o dobro do que na capital paulista.

Cisterna em Belém

Vamos fazer uma simulação no mesmo padrão em que seguimos para as outras cidades abordadas em nossas postagens anteriores. Para tal, utilizaremos a área de telhado com 150m². De acordo com os estudos levantados, as médias mensais de chuva em Belém formam o seguinte gráfico:

Simulação de Volume de Captura durante o ano em uma residência localizada em Belém do Pará, com 150 m2 de área de telhado para coleta.

Podemos notar que chove muito em Belém de dezembro até maio. Além disso, as chuvas entre junho e novembro não são das menores, se comparadas com as outras cidades abordadas.

Portanto, uma casa com 150m² de área de telhado pode comportar uma cisterna de 15 a 30 mil litros.

Já pensou o quanto de economia isso poderia gerar? Clique aqui e consulte-se gratuitamente com os maiores especialistas em Água da Chuva do Brasil.