Palmyro D'Andrea, 139

Limeira | São Paulo | Brasil

+55 19 3442 8434

[email protected]

Menu

Aproveitamento de Água da Chuva em São Paulo – Conheça as Possibilidades

Comentários (0) Água, Aproveitamento de Água da Chuva, Cisterna Pronta

A cidade de São Paulo foi um dos centros metropolitanos mais afetados pela forte crise hídrica pela qual o Sudeste brasileiro passou à partir de 2014. Durante este período, ao secar das torneiras, diversas alternativas ganharam notoriedade e muitas manchetes foram amplificadas pela grande mídia. Uma das principais soluções para amenizar os prejuízos causados pela ausência de água nas torneiras bastante difundida na época foi a implementação de uma cisterna para aproveitamento de água da chuva.

As Cisternas Para Aproveitamento de Água da Chuva são constituídas por 3 elementos fundamentais:

Cisternas para Água da Chuva

A Cisterna é o reservatório que irá armazenar a água da chuva. Seu uso pode ser tanto aéreo quanto aterrado, que neste caso é a opção mais indicada por isolar o reservatório dos raios solares, aumentando assim a durabilidade da água da chuva armazenada.

Filtros para Água da Chuva

Os filtros para a água da chuva são dispositivos específicos de filtragem que elimina folhas, galhos e outros pequenos detritos da água antes que ela chegue à cisterna. É importante escolher bem seu filtro, o que deve ser feito de acordo com a área de telhado disponível em seu imóvel para a coleta da água da chuva.

Bombas e Automação

As bombas são utilizadas para enviar a água da chuva, agora armazenada na cisterna, para os pontos de consumo. Existe ainda um sistema de automação que poderá acionar a bomba sempre que uma torneira for aberta ou que alguma caixa superior esvaziar, o que varia de acordo com cada projeto.

Projeto de Aproveitamento de água da Chuva

Um bom projeto de aproveitamento de água da chuva deve considerar diversos fatores, dos quais podemos destacar 2: a localização do imóvel e a área de telhado disponível.

Enquanto a área de telhado indica o potencial total de coleta e armazenagem da água da chuva, a informação da localidade nos dá uma ideia sobre quanta chuva cairá nesta determinada área de telhado em cada mês durante o ano.

Utilizando um histórico de precipitação, ou seja, da chuva acumulada em cada região nos últimos 30 anos, é possível dimensionar com grande assertividade a capacidade máxima de sua cisterna.

Para que você possa ter uma ideia, uma casa em São Paulo, cuja área de telhado seja de 150m2, está apta a receber uma cisterna de até 15.000 litros.

Esta medida aumenta a possibilidade de que a Cisterna se mantenha com água suficiente  mesmo nos períodos de menor incidência de chuva (de abril à agosto), conforme você pode observar no gráfico abaixo:

Simulação de Volume de Captura durante o ano em uma residência localizada em São Paulo – SP – com 150 m2 de área de telhado para coleta.

Água da Chuva na irrigação00

Uma nova tendência e possibilidade de consumo que tem crescido muito, principalmente nos últimos 2 anos, é a instalação de uma cisterna para aproveitamento de água da chuva para irrigação. A água da chuva é excelente para tal finalidade, uma vez que é rica em sais minerais e não contém nenhum tipo de aditivo químico como cloro ou fluor.

Seu Projeto Mais Sustentável

Se você gostou da ideia, saiba que pode contar com nosso time de especialistas para ter seu sistema de aproveitamento de água da chuva. A ECOCASA oferece desde 2001 as melhores tecnologias ambientais do mercado Brasileiro. Você também não precisa se preocupar com cálculos ou dimensionamentos, nossos especialistas cuidarão de tudo pra você tornar seu projeto mais humano e sustentável!

Solicite seu orçamento agora mesmo! É fácil e rápido.